Pin It

Começaram oficialmente nesta quarta-feira (4) as atividades da unidade Correias Mercurio instalada no Distrito Industrial de Marabá (DIM). Durante coletiva à Imprensa na véspera da inauguração, o CEO da empresa, Ivan Zanovello Ciruelos, assegurou que cerca de 95% da mão de obra contratada pelo empreendimento é de Marabá e municípios da região, que foram devidamente treinados antes de iniciar as atividades.

Atuando há 72 anos, a Correias Mercurio é líder de mercado no Brasil e investiu mais de R$ 100 milhões na unidade de Marabá, tornando-se pioneira na produção de correias transportadoras no Norte do Brasil. A fábrica inaugurada nesta quarta opera em três turnos, devido à alta demanda de produção do mercado.

A planta da Mercúrio está pautada pelas exigências da legislação vigente, buscando a adoção de tecnologias com menor impacto para a natureza, redução do desperdício e a destinação adequada de resíduos, com 100% dos efluentes tratados. “A fábrica conta com sistema de ventilação natural, cogeração de energia, aproveitamento da iluminação natural, reaproveitamento da água de chuva e drenagem, em total concordância com as normas da ABNT e com os padrões estabelecidos para a certificação ISO 140000”, explica.

Projetos desenvolvimentistas instalados na região, como o S11D (extração de ferro em Carajás), são beneficiados diretamente com a inauguração da Correias Mercurio em Marabá. Além disso, foi firmada uma parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) para formação em tecnologia da borracha, que é inédito em Marabá, qualificará a mão de obra da região e é ofertado gratuitamente.

 

Pin It