No ano passado, quando era recém-formada no curso de Engenharia de Produção, pela Universidade Federal de São João Del Rei, a mineira Sulamita Pereira viu no processo seletivo para trainee da Equatorial Energia a chance de entrar com o pé direito no mercado de trabalho. Com esse foco, a engenheira participou de uma concorrência com cerca de 11 mil candidatos de todo o Brasil para conseguir uma das vagas ofertadas na Celpa, concessionária de energia do Pará e que faz parte da Equatorial. A escolha fez com que a jovem mudasse de vida e alçasse grandes voos em sua jornada profissional.

A trajetória de Sulamita também pode ser traçada neste ano por jovens de todo o Brasil.  A Equatorial Energia está com as inscrições abertas para o seu programa de trainee 2017, novamente com vagas para as duas distribuidoras do grupo: a Cemar (Companhia Energética do Maranhão) e a Celpa (Centrais Elétricas do Pará). As inscrições vão até o dia 30 de abril, e podem ser realizadas por meio do site da empresa www.equatorialenergia.com.br/trainee.

De acordo com Sulamita, entrar em uma empresa competente, por meio desse processo, é uma oportunidade única e que compensa todo o esforço. “A atuação como trainee é a minha primeira experiência profissional e, sem dúvida, abriu diversos horizontes, pois pude fazer uma panorâmica pelas áreas da companhia até encontrar alguma com a que eu mais me identificasse. Passados sete meses desde que entrei na Celpa, escolhi a gerência de Relacionamento com o Cliente, que considero uma área próspera, de muita confiabilidade e muito desafiadora”, avalia.

O processo de seleção para trainees conta com etapas de testes online, dinâmicas de grupo, entrevistas e painel com gestores. Para essas fases, Sulamita orienta que os candidatos estejam bem preparados e mantenham a tranquilidade. “É importante que todos se mantenham seguros de suas convicções para estas etapas, e lembrar que as oportunidades são para empresas humanas e justas. Na minha preparação eu procurava manter o foco nos meus objetivos e, acima de tudo, a tranquilidade nos períodos antes das seletivas”, diz a engenheira.

DESENVOLVIMENTO - Os selecionados passarão por um estruturado programa de desenvolvimento, que tem duração de 12 meses e é dividido em duas etapas. A primeira dura cerca de sete meses e é composta pela integração geral, job rotation em diversas gerências da empresa e em regionais, reuniões sistemáticas com a Diretoria, além de leitura de livros, treinamentos técnicos e comportamentais. A segunda etapa coincide com a ida do trainee para a área escolhida, onde, ao iniciar os trabalhos, terá que elaborar um projeto de melhoria, que posteriormente será apresentado para a diretoria.

A analista de RH e responsável pelo Programa Trainee na Celpa, Elisama Mascarenhas, explica como a função trainee se diferencia. “É um cargo para quem está em formação. Tanto que o termo significa ‘em treinamento’. E esta formação contempla algumas outras etapas que nenhum outro cargo oferece, como por exemplo, a passagem do profissional por várias gerências, a participação em processos estratégicos e o canal direto com a diretoria da empresa. Portanto, não vejo tantas funções dentro das grandes corporações que permitam esse tipo de amadurecimento profissional em um espaço tão curto de tempo”, avalia.

 

REQUISITOS - Os candidatos interessados em participar da seleção devem ter concluído a graduação entre os meses de julho de 2015 a julho de 2017, em áreas como Administração de Empresas, Análise de Sistemas, Ciência da Computação, Ciências Contábeis, Economia, Engenharia Elétrica, Engenharia Eletrônica, Engenharia de Energia, Engenharia de Produção, Engenharia de Controle e Automação e Engenharia da Computação. Ter inglês intermediário e disponibilidade para morar nos estados do Maranhão e/ou Pará, são imprescindíveis para o programa.

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) realizará, no segundo semestre deste ano, concurso para contratação de professores. Serão abertas mais de duas mil vagas para 12 disciplinas. O anúncio foi feito pela secretária de Estado de Educação, Ana Cláudia Hage, durante evento no Tribunal de Contas do Estado (TCE-PA), dentro do projeto “Sexta da Integração”, que contribui para esclarecimentos de assuntos estruturais da gestão pública, como é o caso da educação.

Recebida pela presidente da Corte, conselheira Lourdes Lima, a secretária explanou sobre a "Política de Educação do Estado do Pará: Desafios da Gestão Estratégica”, definido pelo TCE, para uma plateia de conselheiros, gestores e técnicos. Ela se fez acompanhar dos secretários adjuntos José Roberto Silva, Mariléa Sanches, José Roberto Damasceno e Dayse Ana Batista, de Paulo Machado, coordenador do Escritório de Projetos do programa Pacto pela Educação, e outros assessores.

Iniciativas – Ana Cláudia Hage fez um balanço das ações desenvolvidas pela Seduc, norteadas pelo Pacto pela Educação do Pará – programa que abriga um conjunto de empreendimentos e iniciativas coordenados pelo governo do Estado com a parceria de instituições privadas, prefeituras municipais, entidades de classe e empresas.

Ela informou que a rede pública estadual passará a contar com 25 escolas de tempo integral. Antes, a Seduc administrava apenas quatro escolas de Ensino Médio nesse formato e 10 do Ensino Fundamental, agora são 15 e 10 nas duas modalidades, respectivamente.

A Seduc investe no ensino profissionalizante atendendo 33 mil estudantes em 22 escolas. Até 2018, a Secretaria de Educação pretende inaugurar mais nove escolas desse tipo. Atualmente, estão em curso 485 obras, das quais 86 financiadas pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Concurso - Segundo a titular da Seduc, o grande desafio é a oferta de um ensino com qualidade que atenda um universo de quase 650 mil estudantes em 966 escolas, distribuídas nos 144 municípios do estado. E confirmou que, dentro dessa meta, a Secretaria vai abrir concurso no segundo semestre deste ano para a contratação de professores. O edital que vai definir a empresa responsável por aplicar o certame já foi publicado pela Secretaria de Estado de Administração (Sead).

 

 

A Vale abre inscrições para o Programa de Estágio hoje, segunda-feira, dia 31. Há vagas para estudantes do ensino técnico e superior nos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Pará, Rio de Janeiro e Maranhão. As inscrições podem ser feitas até 9 de novembro pelo site www.vale.com/oportunidades.

Este ano, o processo seletivo para o Programa de Estágio da Vale foi reformulado. Em uma jornada de autoconhecimento, o estudante identificará quais são seus propósitos de vida e se eles se conectam com os valores praticados pela Vale. A ideia é que tanto a escolha do candidato pela empresa como da empresa pelo candidato seja baseada nesses valores e não só na questão técnica.

"O tema do programa será 'Minerando seu propósito'", explica a gerente de Recrutamento e Seleção, Sistemas e Planejamento de RH, Paula Simões. "Assim como o processo de mineração é a busca por recursos naturais e sua posterior transformação, o processo seletivo será a busca do candidato por seu propósito para também provocar uma transformação, só que esta no plano pessoal e profissional".

O processo seletivo agora é composto de uma etapa de inscrição no site, quando o candidato já fará uma avaliação online, duas etapas presenciais com atividades em grupo e uma entrevista.

Podem se candidatar candidatos de nível superior que estejam nos três últimos anos de curso, ou seja, com formatura prevista entre dezembro de 2017 e dezembro de 2019.

Para os candidatos de nível técnico, a exigência é que tenham formatura prevista até dezembro de 2018 ou que sejam formados na parte teórica, desde que não tenham cumprido a carga horária de estágio obrigatório e ainda estejam matriculados na instituição de ensino.

Serão aceitas inscrições para universitários de todos os cursos, entre eles Engenharia, Administração de Empresas, Economia, Ciências Contábeis e Ciências da Computação. Também terão a oportunidade de se inscrever estudantes de nível técnico de mais de 20 cursos, como Metalurgia, Mecânica, Elétrica, Eletrotécnica, Eletromecânica, Mineração e Segurança do Trabalho. A lista completa de cursos de nível técnico está disponível no site.

A Vale estimula fortemente a inscrição de pessoas com deficiência, de acordo com sua política de promover a inclusão e valorizar a diversidade.

Os selecionados iniciarão o estágio a partir de fevereiro de 2017 e receberão bolsa-auxílio mensal de até R$ 1.118 (os valores variam dependendo do curso, técnico ou superior, e da carga horária), assistência médica e seguro de vida. Nas unidades onde a empresa não oferece transporte e restaurante, os estagiários também receberão vale-transporte e vale-refeição. A carga horária do estágio varia entre quatro e seis horas, dependendo das atividades a serem desenvolvidas.

Serviço:

O que: Programa de Estágio da Vale

Quando: de 31 de outubro a 9 de novembro

Como se inscrever: acesse o site www.vale.com/oportunidades

 

A TIM está à procura de parceiros comerciais (pequenas e médias empresas) para abertura de revendas. São várias oportunidades para novos empreendedores de Marabá, que buscam inovar e fazer diferente no setor de Telecomunicações.

Os candidatos precisam ter perfil dinâmico e empreendedor, poder de negociar e influenciar, além serem comunicativos, terem visão de negócio, foco no cliente e em resultados. É necessário possuir segundo grau completo e experiência na área de vendas, além de CNPJ ou disponibilidade para adquiri-lo.

 

Dentre os benefícios oferecidos pela TIM estão o apoio ao desenvolvimento do negócio, programa de treinamento e reciclagem, visibilidade da marca, entre outras vantagens. A companhia não cobra royalties nem taxas de franquia. Os interessados em entrar no time de parceiros da TIM devem fazer contato através do email Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. .

(Fonte: TIM)

 

A empresa SGS, líder mundial em inspeção, verificação, testes e certificação, seleciona candidato para a vaga de Inspetor Pleno.

Segue abaixo requisitos da vaga:

- Vaga: Inspetor Pleno

- Salário: Compatível com o mercado, mais benefícios;

- Morador da região de Marabá (de preferência);

- Escolaridade Mínima: Ensino Médio Completo;

- Veículo próprio (pagaremos deslocamento por km rodado);

- Com noções de informática;

- Atividades: Informar diariamente o estoque da Unidade ao Escritório Central e proceder com a contagem física dos produtos em garantia.

- Competências necessárias : facilidade com números, comprometimento, iniciativa e comunicativo.

Os interessados deverão encaminhar o currículo para o email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.